Comerciante na localidade de São Francisco é presa na “Operação Ronda Tático Integrado”

Operacao_irene_presa1

O delegado vai solicitar à justiça que os bares naquela localidade sejam desativados.

Com o objetivo de perpassar uma real sensação de segurança pública pela presença ostensiva e preventiva do efetivo do Ronda do Quarteirão, a fim de identificar, priorizar e resolver problemas de violência social que afetam a segurança pública e a qualidade de vida dos cidadãos, inclusive quanto às demandas atinentes a Operacao_irene_presa2criminalidade (embriaguez e desordem, uso e tráfico de entorpecentes, menores em situação de risco, porte ilegal de arma de fogo, roubos, lesões corporais e até homicídios), além de enfrentar a emissão sonora abusiva, a qual é, não raramente, a percussora daquelas condutas antijurídicas, o XVIII Núcleo de Policiamento Comunitário de Quixadá, realizaram a “Operação Ronda Tático Integrado” no município de Quixadá e prendeu a comerciante dona de um bar na localidade de São Francisco identificada apenas por Irene, ela foi presa em flagrante.

Policiais do Ronda do Quarteirão, supervisionados pelo Capitão Adriano Costa Cavalcante, realizaram a operação nos mais de 22 bairros do município de Quixadá. A ação foi realizada na última sexta-feira, 16, a partir das 19h, estendendo-se durante madrugada do sábado, 17/03. Houve grande integração com outros segmentos do poder público, como Polícia Civil, Conselho Tutelar e Departamento municipal de Trânsito.

Churrascarias, bares, pizzarias, praças e avenidas foram fiscalizadas pelos policiais do Ronda do Quarteirão. Houve apreensão de menores que estavam em estabelecimentos ingerindo bebidas alcoólicas, bem como a condução dos proprietários para as providencias necessárias ao caso. Motocicletas foram apreendidas para o Departamento Municipal de Trânsito do município de Quixadá.

Segundo a polícia a comerciante vai responder por uma série de crimes, entre eles: por vender bebidas alcoólicas a menores, haja vista uma menor ter sido encontrada, visivelmente embriagada, literalmente desmaiada em cima de uma das mesas do restaurante pelos agentes do Conselho Tutelar. Junto a menor encontrava-se uma senhora a qual também foi dado voz de prisão todos encaminhados a Delegacia, além de crimes favorecimento à prostituição infantil e associação ao tráfico de drogas.

Irene encontra-se recolhida na Cadeia Publica de Quixadá. O delegado de Banabuiú, Raphael Vilarinho vai solicitar à justiça que os bares naquela localidade sejam definitivamente desativados.

Assessoria de Comunicação do Ronda de Quixadá.

Mais Informações:
Delegacia Regional de Polícia Civil de Quixadá

Rua Brasílio Pinto, 1445, Combate
(88) 3445-1047