Apaixonado: Borracheiro de Quixadá gravar seus próprios filmes e vira cineasta amador

Região Central: Um Quixadá um morador tem duas grandes paixões e divide o dia entre o trabalho na borracharia e o de cineasta. “Comecei pela necessidade de contar história”, comenta Idelmar Braz.

Há 20 anos, ele se dedica como borracheiro. Quando não está no serviço, aproveita para atuar como roteirista, diretor e cinegrafista. Idelmar já tem quatro filmes gravados.

No dia a dia, marreta, martelo, óleo, chaves são esses um dos itens que fazem parte do trabalho de segunda a sábado, mas nos momentos extras, a câmera nas mãos lhe dá o dinheiro de produzir arte.

Assista a reportagem da TV Jangadeiro