220 agentes iniciam trabalho nas unidades do sistema penitenciário do Ceará

Agente do sistema penitenciário reforça a segurança das unidades do Ceará (foto: divulgação)

O Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Administração Penitenciária (SEAP), deu posse a 220 agentes penitenciários na manhã desta segunda (7), na sede da Secretaria. Após a nomeação, os profissionais se apresentaram imediatamente na Unidade Prisional Agente Luciano Andrade Lima (CPPL I) e na Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor Jucá Neto (CPPL III).

Maria Glaise, 30 anos, uma das agentes que tomou posse hoje, está satisfeita por representar o Estado e contribuir com a segurança. “Lá dentro eu serei a ponte entre a proteção do cidadão aqui fora e a ressocialização de quem está preso. Nós somos esse vínculo”, diz a nova agente. Glaise também indica que, desde o curso de formação, só há uma vontade de todos os concursados: colaborar da melhor forma com o sistema.

É o que pensa também o recém-empossado Samuel Robson, 29 anos. “Nesse momento crítico, nós chegamos e trazemos sangue novo para dentro das unidades, somando com a experiência e o conhecimento dos agentes veteranos”. Robson também aconselha os companheiros de trabalho: “Estamos aqui para receber orientações e conhecimento”.

Mauro Albuquerque, titular da SEAP, deu as boas vindas aos 220 agentes e destacou as obrigações dos recém-chegados. “Nós somos responsáveis pelo o que acontece dentro das unidades. Cabe a nós administrar, tudo dentro da legalidade, identificando as crises e ajustando os procedimentos necessários para que tudo funcione”, diz Mauro, que também indica que a posse imediata também faz parte do plano do Governo do Estado de dar, cada vez mais, melhores condições de trabalho para os agentes penitenciários do sistema prisional cearense.

Tags: