Padrasto de 26 anos é preso por estuprar enteada de apenas 11 anos no interior do Ceará

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Icó, cumpriu, na manhã desta segunda-feira (1), um mandado de prisão preventiva contra um homem de 26 anos. Ele é suspeito de cometer um estupro de vulnerável contra uma criança 11 anos, no município de Icó, na Área Integrada de Segurança 21 (AIS 21) do Estado. O investigado é padrasto da criança e teria cometido o crime em julho de 2020.

Após familiares da vítima registrarem um Boletim de Ocorrência (BO) informando sobre o fato, a Polícia Civil instaurou um inquérito policial para investigar o caso. Segundo informações policiais, o homem teria levado a criança para zona rural do município, onde cometeu o crime. Em casa, a vítima relatou tudo para sua mãe.

Diante dos fatos, a autoridade policial representou junto ao Poder Judiciário por um mandado de prisão preventiva por estupro de vulnerável contra o suspeito. O mandado foi cumprido na manhã desta segunda-feira (1), no município de Icó. O indivíduo já possuía antecedente criminal por receptação.

Com informações da SSPDS