Sargento da PM é socorrido por helicóptero da Ciopaer, após colisão com animal solto na cidade de Quixadá

O sargento seguia em uma motocicleta e possivelmente não percebeu os animais (foto: reprodução)

Região Central: Transitar pelas ruas da cidade de Quixadá requer bastante atenção, não somente pelos buracos que tem sido motivo de críticas por todo a população, mas também em consequências de inúmeros animais soltos, seja, cachorros, gatos, porcos e até vacas. A Prefeitura Municipal não tem nenhuma equipe recolhendo esses animais para evitar acidentes ou proliferação de doenças.

Na tarde deste sábado (03), um policial militar que seguia sentido ao bairro Cedro, sofreu um gravíssimo acidente ao conduzir sua motocicleta e colidir com uma vaca. O Sargento Olavo, lotado no 9º Batalhão da Polícia Militar foi socorrido a Unidade de Pronto Atendimento-UPA, e em virtude de seu estado grave teve que ser transferido ao Instituto Dr. José Frota, na capital cearense, por um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer).

De acordo com as informações, o sargento apresentava sintomas de traumatismo craniano. Seu estado de saúde é delicado.

Imagens que circulam nas redes sociais mostram três vacas no meio da rodovia, momento em que ocorre a colisão. Os animais saem correndo e uma dela mancando, já o policial cai e fica aparentemente desacordado.

Analisando as imagens, mostram que o capacete foi arremessado há metros de distância, o que, possivelmente não estava com a fivela fixada.

O dono dos animais pode ser responsabilizado, mas caberia uma investigação da Polícia Civil. Quem circula por via, que é a Rua Basílio Emiliano Pinto sabe dos transtornos e quase todos os dias encontra animais soltos.