Família chora: Mototaxista é assassinado a tiros na presença da filha, na cidade de Quixadá

John Lennon, era um homem trabalhador, diz familiares (foto: rede social)

Região Central: a matança na cidade de Quixadá continua na noite desta terça-feira(09). Dois bandidos fizeram uma abordagem no momento em que um mototaxista estava chegando em sua residência, na Rua Neo Martins, no bairro Campo Velho. A vítima foi atingida por vários disparos.

Conforme apurado pelo portal Revista Central, no local do crime, os criminosos estariam seguindo a vítima, que, ao estacionar o seu veículo, já foi recebido à bala. Ele ainda conseguiu correr, mas tombou sem vida no interior da sala de sua residência.

Familiares conversaram com o portal RC, disseram que John Lennon, era um homem trabalhador, que recentemente tinha saído de uma fabrica de calçados, logo depois, começou a trabalhar como mototaxista. Os familiares disseram ainda, que ele não tinha passagem pela polícia.

Era pai de uma filha de 8 anos, que teria presenciado a morte do pai, enquanto a esposa estava em seu trabalho. John Lennon estava chegando em casa, justamente para cuidar da filha.

No momento, viaturas da Polícia Militar fazem buscas para prender os autores, mas as poucas informações dificultam os trabalhos. A Polícia Civil deverá instaurar um inquérito para investigar o crime. O corpo será levado para o Instituto Médico Legal-IML.

Familiares estavam chorando bastante, a morte de mais um ente querido, evidente, que algum motivo foi necessário para tamanha barbaridade.

O crime foi Rua Neo Martins, no bairro Campo Velho (foto: Revista Central)