Coronel Rômulo Tavares respira com ajuda de aparelhos em UTI do Hospital Antonio Prudente, em Fortaleza

Encontra-se há 9 dias internado no Hospital Antonio Prudente da Hapvida, na cidade de Fortaleza, o coronel da reserva da Polícia Militar, Humberto Rômulo Tavares, 59 anos. Segundo a sua esposa, Sandra Ruth Tavares, a situação do PM é gravíssima.

Coronel Tavares, como é popularmente conhecido em Quixadá, continua respirando com ajuda de aparelhos em uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), com uma infecção pulmonar.

Dona Sandra Ruth disse ao portal Revista Central, que neste domingo, 24, ele teve arritmia e continua tendo febre. “Os médicos dizem que o estado dele é gravíssimo que ele é um paciente de risco”. Humberto Rômulo Tavares tem ainda pneumonia e coração crescido, o qual bate muito fraco.

Mesmo diante do estado grave, o PM teve uma boa melhora em uma secreção, bem como os exames de sangue foram bem melhores.

Coronel Tavares é formado e com especialização  em Segurança pública e gestão em Recursos Humano. Ele comandou o 9º Batalhão da Polícia Militar por vários anos.