Veja a lista: Quixeramobim é líder na geração de empregos e Quixadá fica em 2º na região Central

Carteira_de_Trabalho_O município de Horizonte, localizado na região metropolitana de Fortaleza, gerou 3.570 novos postos de trabalhos de janeiro a setembro de 2017. Estas são as informações do Cadastro Geral de Empregados e desempregados- CAGED, divulgadas no último dia 19, pelo Ministério do Trabalho e Emprego do Governo Federal.

Em segundo lugar está o município de Eusébio, na mesma região, lá o saldo positivo foi de 590 vagas, sendo 9833 admissões contra 9243 demissões. A cidade de Missão Velha também destacou-se com saldo positivo de 538 vagas, sendo que foram admitidos 1055 trabalhadores e demitido 517.

 Região Central do Ceará

Na região Central do Ceará, a líder na geração de empregos é Quixeramobim onde gerou positivamente 349 vagas. Gerou em setembro 174 vagas, demitiu 70, saldo de 104. No ano foram contratadas 1126 pessoas e demitidas 777.

A cidade de Boa Viagem admitiu em setembro 24 pessoas e teve desligamento de 32, saldo negativo de 8. Ao longo do ano, Boa Viagem admitiu 255 trabalhadores, sendo desligados 229, o saldo positivo é de 26.

Canindé gerou em setembro 45 vagas de trabalho, sendo demitidos 66 empregados, saldo negativo de 21. No ano, gerou 752 vagas de trabalho sendo que teve desligamento de 708, saldo positivo de 44 empregos.

As empresas de Mombaça ofertaram 18 vagas e demitiram 17 trabalhadores, saldo positivo 1 vaga. 185 novos postos de trabalho foram gerados em 2017, mas tiveram 186 demissões, saldo negativo de uma vaga.

Em setembro, Pedra Branca gerou 10 novos postos de trabalhos e teve 16 demissões, saldo negativo seis vagas. De janeiro a setembro foram contratadas 138 pessoas e demitidas 113, já o saldo positivo é de 25 vagas.

Quixadá gerou em setembro 144 vagas e demitiu 79 trabalhadores, sendo o saldo positivo de 65. No gerou-se na Terra dos Monólitos 1044 vagas 927 trabalhadores demitidos, saldo positivo de 117.