UFC anuncia demissão do quixadaense Rony Jason após agredir a irmã

UFC emitiu, nesta terça-feira (17), um comunicado informando que o lutador peso-pena Rony Jason não fará mais parte do plantel da organização. A dispensa do quixadaense seria por conta das inúmeras derrotas que acumulou nos últimos anos, além de complicações fora do octógono,como agressão física em sua própria irmã.

No UFC desde 2012, o campeão da primeira edição do The Ultimate Fighter: Brasil, Rony Jason não vivia uma boa fase dentro do evento. Nas suas últimas seis lutas, venceu apenas uma e chegou a emplacar 2 derrotas seguidas para Dennis Bermudez e Jeremy Kennedy logo após ter ficado um ano suspenso por causa de uma falha em um exame antidoping em sua luta contra Damon Jackson.

Porém, o lutador também não vive um bom momento fora da organização, já que está envolvido em uma séria polêmica envolvendo uma agressão contra sua irmã durante um show em Quixadá. O lutador prestou depoimento sobre o ocorrido no dia 11 deste mês e o inquérito do caso continua sendo investigado pela Delegacia da Defesa da Mulher de Quixadá, no Ceará.

Confira na integra o comunicado oficial do UFC:

“O peso pena UFC Rony Jason foi liberado da organização depois de sofrer três derrotas em suas últimas quatro lutas” – declarou a organização.

Do site MMA Brasil

Lutador de MMA Rony Jason depõe na Delegacia da Mulher de Quixadá por agredir sua irmã