Sanfoneiro quixadaense Nonato Lima representa o Ceará, em festival na França

Nonato Lima nasceu em Quixadá e tem familiares, mas atualmente mora em Fortaleza (foto: internet)

A cidade de Quixadá é conhecida além de seus monólitos, mas por ter músicos que se destacam Brasil a fora, um deles é o sanfoneiro que ganha a cada dia respeito no país, Nonato Lima, de 27 anos. Para se ter ideia, ele representou o Ceará no Lille Choro Festival, realizado na França.

Ele revelou que já trabalho com Chico Bill, Toca do Vale e fez alguns shows com Wesley Safadão.

Nonato Lima, nasceu na cidade de Quixadá, em 08 de dezembro de 1990 e atualmente vive em Fortaleza. Conheceu a Sanfona com 6 anos de idade através de seu pai e com 10 anos começou a tocar na igreja. Aos 12 anos iniciou sua carreira profissional como acordeonista.

Mostrando um pouco da cultura brasileira mais precisamente o forró em minha master class! (Nonato ao lado esquerdo)

Conforme o site Improviso Brasil, em sua trajetória, Nonato competiu em alguns festivais nacionais e internacional, sendo campeão em em todos que participou. O primeiro festival foi em 2010 que ocorreu em Limoeiro do Norte sendo uma das maiores premiações que o mesmo recebeu até então. O segundo festival ocorreu em Fortaleza em 2012, tendo como prêmio um acordeon novo. O terceiro foi um festival internacional realizado em Juazeiro da Bahia, tendo como premiação também mais um novo acordeon.

Ainda em 2012, Nonato teve a honra de acompanhar no mês junino o mestre Dominguinhos e sua filha Liv Morais. Convidado pelo próprio Dominguinhos, assim ganhando elogios  carinhosos como -“Éh magrinho, mais toca uma sanfona danada” .

Nonato Lima, atualmente acompanha o cantor Fagner e tem seus projetos instrumentais com solo, duo, trio e quarteto. Além de sua carreira solo, faz parte da Orquestra Sanfonas do Ceará e Banda Acaiaca.

Com sua performance de tocar foi elogiado, pelo que considera um dos maiores acordeonista do mundo, Richard Galliano, onde o mesmo compartilhou um vídeo em sua página oficial, A partir daí, iniciou uma grande amizade e também um convite para participação no show de Richard que ocorreu em São Bento do Sul-PR.

Nonato teve participação importante no “Encontro Internacional de Acordeon – Acordion Festival” que ocorreu em Santa Catarina e também nas Olimpíadas do Rio 2016, levando o nome do Ceará para o mundo.

Apesar de tão jovem, Nonato já tem uma bela bagagem musical tocando, gravando e participando de vários festivais Brasil a fora tendo em destaque suas composições gravadas pelas maiores orquestras do Brasil, sendo uma delas a Spok Frevo Orquestra, que gravou uma de suas composições tendo sua participação.  O músico dividiu o palco com grandes nomes da música como: Elba Ramalho, Fagner, Dominguinhos, Richard Galliano, Hermeto Pascoal, Anastácia, Saulo, Waldonys, Marciel Mello, Amelinha, Marcos Lessa, Toninho Horta, Alexandro Penezzi, Egberto Gismonti, Zé Paulo Becker, Alexandre Ribeiro, Adelson Viana, Zé do Norte, Lucinha Menezes, Spok Frevo Orquestra, Adelmário Coelho, Arismar do Espírito Santo, Regional Época de ouro(grupo mais antigo de choro do Brasil), entre outros.

Em sua página, ele postou: “Um pouco do que rolou ontem no Macondo em Lille na França!!”