Quixeramobim: Padre Evaldo da Diocese de Quixadá é nomeado bispo, pelo Papa Francisco

Padre Evaldo Carvalho passa a ser o novo Bispo Católico (foto: divulgação)

A Nunciatura Apostólica no Brasil comunicou na manhã desta quarta-feira, 20, a decisão do papa Francisco em nomear para a vacante diocese de Viana, no Maranhão, o padre Evaldo Carvalho dos Santos, atualmente pároco da Paróquia Santo Antônio em Quixeramobim. A notícia foi publicada no jornal L’Osservatore Romano, de Roma.

Natural de Fortaleza, padre Evaldo cursou Filosofia e Teologia no Instituto de Pastoral Regional, em Belém (PA). Fez Especialização em Serviço Social, Políticas Públicas e Direitos Sociais, pela Universidade Estadual do Ceará (UECE).

Ordenado presbítero no ano de 1998, em Fortaleza, padre Evaldo já exerceu as funções de Superior Provincial da Província de Fortaleza da Congregação da Missão, de 2010 a 2016; Diretor do Seminário da Província de Fortaleza (Propedêutico, Filosofia e Teologia) no período de 2000 a 2008; Membro da Diretoria da Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB) – Núcleo Fortaleza, de 2000 a 2003; Pároco da Paróquia São Pedro e São Paulo, em Fortaleza, 2009, 2016 a 2018;  Vigário Paroquial da Paróquia Nossa Senhora dos Remédios, em Fortaleza, de 2010 a 2013; Pároco da Paróquia Santo Antônio  em  Quixeramobim, de 2018 a 2019 e Vigário Forâneo da Forania II, na diocese de Quixadá , de 2018 a 2019.

Com a nomeação, padre Evaldo será o sexto bispo a assumir a diocese de Viana, vacante desde a saída de dom Sebastião Lima Duarte, transferido para a diocese de Caxias, no Maranhão, em dezembro de 2017.

Saudação

O secretário-geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Leonardo Steiner, enviou saudação ao novo bispo. Confira, abaixo, o texto na íntegra:

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) agradece ao Papa Francisco a sua nomeação como Bispo da vacante diocese de Viana no Maranhão.

Em recente visita ao Panamá por conta da Jornada Mundial da Juventude, o Papa Francisco, evocando a figura de Santo Oscar Romero, dirigiu-se aos bispos da América Central exortando-os a “sentir com a Igreja”.

Para o Santo Padre “sentir com a Igreja” significa tomar parte na sua glória e trazer no próprio íntimo toda a kenosis de Cristo: “Na Igreja, Cristo vive no meio de nós e, por isso, ela deve ser humilde e pobre”

Padre Evaldo, sinta-se acolhido como novo membro da nossa Conferência Episcopal. Desejamos um fecundo ministério, sob a proteção da Mãe de Jesus e nossa.