Prefeitura e comerciantes definem horário para utilização de aparelhos sonoros em Quixadá

Secretário Higo Carlos reúne com proprietários de bares e restaurantes de Quixadá

A Prefeitura Municipal de Quixadá reuniu grande parte dos comerciantes da área central da cidade, para buscar entendimento quanto ao uso de aparelhos sonoros por bares e restaurantes.

Som alto tem sido umas das principais reclamações, principalmente aos fins de semana por parte da vizinhança dos estabelecimentos que comercializam bebidas alcoólicas. A maioria coloca música ao vivo, em busca de atrair clientes, mas quem reside próximos aos estabelecimentos acabam sendo prejudicados.

Na tarde desta sexta-feira, 06, o secretário Higo Carlos reuniu os proprietários de bares e restaurantes para explicar a necessidade do comprimento quanto ao Código de Postura e cobrou um alinhamento. De acordo com Higo, o município já se organiza para fazer fiscalizações, dentre elas, a garantia do sossego público.

Conforme o Código de Postura, no seu art. 281, cabe à administração licencia todo e qualquer tipo de instalação aparelhos sonoros. Dessa forma, gestão e comerciantes avançaram no entendimento e firmaram compromisso. De quinta-feira a sábado, só até às 00h. Aos domingos até às 21h.

Fica proibido o uso de aparelhos sonoros de segunda as quartas-feiras. E mesmo nos dias permitidos os interessados deverão solicitar permissão a Prefeitura.

Ao portal Revista Central, o secretário Higo Carlos disse que vai analisar cada situação e onde não houver a perturbação ao sossego alheio deverá receber permissão para o uso de aparelhos sonoros, noutros casos será negado à licença.