Prefeitura de Choró licita e pretende comprar mais de 10 mil garrafões de água mineral para secretarias

Região Central: O prefeito Marcondes Jucá transformou a Prefeitura Municipal de Choró em um negócio lucrativo para os empresários. As licitações alarmantes continuam sem qualquer intervenção do Ministério Público. Na verdade, em Choró não tem fiscalização.

O último escândalo referente a licitação em Choró relaciona-se com a aquisição de 10.400 (dez mil e quatrocentos) garrafões de água mineral. A empresa vencedora está obrigada a fornecer apenas água da marca Olympia.

Choró tem uma população de menos de 12 mil habitantes, o que em tese, seria suficiente um garrafão para cada morador. O assunto tem chamado a atenção dos residentes que pedem prudência ao prefeito, mas ele não tem dado a devida atenção para com a coisa pública.

A população de Choró tem que fiscalizar se a empresa está fornecendo garrafões com água da marca Olympia. A validade da licitação, conforme o edital, é de apenas 12 meses.

Veja a prova abaixo: 

Tags: