Prefeito de Banabuiú consegue galpão para instalação de uma indústria na cidade

A gestão municipal de Banabuiú voltou a ganhar destaque na mídia da região na última semana: o prefeito Edinho Nobre conseguiu a construção de um galpão industrial na cidade. O equipamento deverá abrigar as futuras instalações de empresas, que serão atraídas pela iniciativa. Conforme o Revista Central apurou, já há até uma empresa interessada em chegar em Banabuiú no mais curto espaço de tempo possível.

O anúncio da construção do galpão ocorreu na última quinta-feira (21), durante reunião na Agência de Desenvolvimento Econômico do Ceará (Adece). O galpão foi confirmado pelo presidente da Adece, Eduardo Neves. O prefeito comemorou a conquista de mais uma oportunidade para Banabuiú, e destacou a capacidade que a cidade terá de gerar novos empregos. “Trabalhamos e honramos o compromisso que assumimos. Esse galpão vai trazer a oportunidade de novos empregos que serão gerados em Banabuiú. É mais uma conquista de nossa gestão para a gente da nossa terra”, frisou Edinho Nobre.

A busca pelo galpão para a cidade começou ainda em 2017, quando Edinho viajou com a então presidente da Adece, Nicole Barbosa, e o ex-prefeito de Quixeramobim, Cirilo Pimenta, para uma feira internacional de calçados em Gramado. Ele visitou empresas do setor calçadista e negociou com empresários interessados em investir no município, a oportunidade de geração de renda para Banabuiú. Logo após negociar com empresários gaúchos, Edinho passou a se articular junto à Adece para poder garantir o apoio do Estado afim de concretizar a ação, o que aconteceu na última semana.

Conforme detalhou o político, o galpão terá mil metros quadrados e será construído pelo Governo do Estado, por meio da Adece. A prefeitura terá como contra partida de doar o terreno. O administração municipal inclusive já tinha um local pensado para a instalação do equipamento, mas a Adece preferiu que o galpão fosse construído o mais próximo possível da Rodovia Padre Cícero.

Segundo Edinho Nobre o prazo mínimo previsto é que até o próximo semestre o galpão seja entregue pronto. Para a doação do terreno a gestão formalizou um documento enviado à Câmara de Vereadores, para que possa analisar e tornar lei a doação do terreno. “Essa é uma grande conquista para a nossa cidade. Vamos crescer e ajudar muitos a terem uma oportunidade com uma empresa em nossa cidade. Com o galpão, a chegada de uma delas, passa a ser um fator mais perto de se tornar realidade”, disse.

A luta de uma indústria para Banabuiú, por exemplo, se estende por anos e é uma necessidade para fortalecer a economia do município, visto que fora a Prefeitura, há apenas a Libra, empresa de fabricação e importação de ferro silício, responsáveis pela geração de renda na cidade. Edinho frisou que pleiteou a conquista junto ao Estado com o apoio do ex-secretário da fazenda Mauro Filho e do deputado estadual Osmar Baquit, além da parceria com o governador Camilo Santana.