Prefeita de Canindé atrasa pagamento dos servidores e ainda se passa como vítima

Rozário Ximenes é a prefeitura de Canindé

A Prefeitura de Canindé emitiu uma nota de esclarecimento à população do município em relação ao pagamento dos servidores municipais, diante de algumas reclamações que a gestão estava recebendo nos últimos dias.

A prefeita Rozário Ximenes, no lugar de resolver os problemas, tenta se fazer como vítima, afirmando que está sendo atacada, insultada e injuriada com relação aos pagamentos dos salários dos servidores municipais, principalmente da Educação.

A prefeita faz o seu lenga-lenga: “A verdade é que Canindé, assim como o Brasil, enfrenta uma séria crise financeira, fruto de irresponsabilidades dos gestores passados. Mas não quero aqui falar do passado, afinal, o estrago que poderiam fazer, já o fizeram. Quero aqui falar do presente e mostrar os motivos que tem nos levado a não honrar em dia os vencimentos dos nossos servidores.”

“Além disso, sofremos, a partir de junho, com uma drástica queda nas receitas e o confisco de mais de 1 milhão de reais das contas do município.”

Mensalmente, os salários dos servidores municipais consomem mais de 6 milhões de reais dos cofres municipais. Na verdade, a prefeita colocou vários aliados políticos e agora está com os cofres rapados por falta de gerenciamento.