Polícia prende mais quatro pessoas suspeitas de participar da morte de universitária em Fortaleza

A polícia prendeu na madrugada deste sábado (14) mais quatro suspeitos envolvidos no latrocínio que matou a universitária Cecília Rachel Gonçalves Moura de 23 anos, na última quinta-feira (12). De acordo com a polícia, os quatro suspeitos foram detidos em Fortaleza.

Agora são seis o número de presos envolvidos direta e indiretamente no crime. Na sexta feira a polícia informou que havia prendido dois suspeitos durante uma operação na comunidade Vila Cazumba, no Bairro Tancredo Neves. A polícia também apreendeu o veículo utilizado pelos criminosos.

O delegado Hélio Marques, titular do 13º DP, comentou que o carro era clonado e usado pelos suspeitos para cometer assaltos. Após a prisão, os homens foram levados para a Divisão de Homicídios, onde seguem detidos. Eles foram autuados por latrocínio, adulteração de veículo, organização criminosa. A arma usada no crime não foi localizada.