Nota de esclarecimento da Prefeitura de Ibicuitinga sobre reportagem do portal Revista Central

prefeitura_de_ibicuitinga

O gabinete da Prefeitura Municipal de Ibicuitinga enviou via email nota de direito de resposta sobre a matéria: “Farra do mel”: Prefeitura de Ibicuitinga compra quase 3 mil pacotes de café e 4 mil Kg de açúcar.

A gestão deixa de fazer esclarecimento mais claro para atacar, e dispara que a “reportagem nada mais traduz um sentimento de leviandade”. Para a gestão, a reportagem tem “intenção de distorcer informações e fatos, objetivando formar opiniões adversas e maldosas sobre a atual Administração”. Garante o gabinete que está “agindo sempre com transparência e zelo pelo bem estar de todos.”

Nota de Esclarecimento

O Governo Municipal de Ibicuitinga-CE, vem por meio desta, repudiar a notícia veiculada pelo Site Revista Central no dia 22 de setembro de 2017 sobre matéria que diz respeito à “Farra do mel” na referida prefeitura. O canal de comunicação afirma que houve uma compra de quase 3 mil (três mil) pacotes de café e 4 mil (quatro mil) quilos de açúcar.

Dos fatos:

A Prefeitura Municipal de Ibicuitinga-CE, através das dez secretarias, elaborou relatórios que se referem a aquisição dos itens citados nesta reportagem para o exercício de 2017, sendo apenas o que de fato foi consumido pelas mesmas.

Para tanto, esclarecemos que até o momento foi feito aquisição dos itens: AÇÚCAR CRISTAL 1KG – 140KG e CAFÉ EM PÓ A VÁCUO 250G – 140KG. A aquisição referente ao item AÇÚCAR custou equivalente à R$ 432,60 (quatrocentos e trinta e dois reais e sessenta centavos), e o item CAFÉ um valor de R$ 908,60 (novecentos e oito reais e sessenta centavos), totalizando R$ 1.341,20 (um mil, trezentos e quarenta e um e vinte centavos).

Conclusão:

Concluímos que comparando os dados da reportagem com os dados do Portal da Transparência do Ceará, a diferença entre os montantes seriam: CAFÉ – R$ 19.470,00 e AÇÚCAR – R$ 12.360,00, totalizando R$ 31.830,00. Sendo assim, o total consumido em percentual é de: 3,49% do total do contrato em AÇÚCAR e 4,6% do total do contrato em CAFÉ.

Os dados informados pela Revista Central condizem com os valores totais contratado, sendo EQUIVOCADAMENTE relacionado ao consumo real.

Diante de todo o levantamento realizado, fica claro para esta gestão que a reportagem nada mais traduz um sentimento de leviandade, com intenção de distorcer informações e fatos, objetivando formar opiniões adversas e maldosas sobre a atual Administração Municipal de Ibicuitinga – Ce, que desde seu início tem se dedicado ao máximo a promover serviços de qualidade junto aos setores de educação, saúde, esporte, lazer, cultura, dentre outros. Estamos agindo sempre com transparência e zelo pelo bem estar de todos.