Injustiça: Inocente acaba preso em Pedra Branca e fica mais de três anos na cadeia; TV Globo mostra

Às vezes acontece de pessoa que tem o mesmo nome, sobrenome e serem confundida, o problema é quando isso prejudica um dos homônimos, no Ceará um homem ficou mais de 3 anos preso por um crime que não cometeu. Ele 28 anos, pai de 4 filhos, artesão e andarilho, endereço incerto desde os 8 anos de idade.

Júnior Gomes dos Santos não nenhuma passagem pela polícia, mas por que então ele acabou pagando o preço por uma falha geral? Tudo começou há mais de 3 anos em uma praça de Pedra Branca, na região Central do Ceará, era uma noite aparentemente tranquila, quando chegou a viatura e perguntou se ele tinha cometido algum crime.

No sistema foi constatado que ele era foragido por crime de homicídio, mesmo dizendo que nunca tinha sido preso, a palavra de um morador de rua sem documentos não tem qualquer valor.

Outro homem também chamado Júnior Gomes dos Santos respondendo a um processo por homicídio na cidade de Jucás, a 160 km de Pedra Branca já estava presos e respondia pelo mesmo crime. Este último era o verdadeiro acusado e estava preso em Caucaia, na região metropolitana de Fortaleza e nunca fugiu.

Algumas coincidências aumentaram a confusão, os dois eram moradores de rua, os dois nasceram na mesma cidade, os dois não tinham documentos e os dois ganharam a mesma ficha na prisão, com mesmo nome de mãe e o mesmo número de processo.

Um dia um bilhete começou a mudar essa história, uma representante da comissão de direito Penitenciário da Ordem dos Advogados do Brasil percebeu erre grave erro na vida desse cidadão.

Recentemente, o Júnior Gomes dos Santos inocente foi colocado em liberdade e coincidentemente ele encontrou a sua família na cidade de Juazeiro do Norte. O outro Junior que confessou o crime encontra-se preso. No mesmo lugar onde viveu um drama reencontrou na cadeia o seu ex-cunhado.

Bem antes da prisão, a ex-mulher foi embora de Pedra Branca grávida e levando os três filhos do casal, por coincidência, o ex-cunhado foi parar na mesma cadeia e foi assim que o Júnior ficou sabendo que os filhos estavam na cidade de Juazeiro do Norte.

Assista a reportagem do Fantástico / TV Globo!