Coluna Amadeu Filho: Genivaldo Ferreira é uma estrela que brilha no rádio quixadaense

Radialista Genivaldo Ferreira (foto: divulgação)

O sonho de Genivaldo Ferreira e que lhe acalentava desde criança, sempre foi o de trabalhar no rádio. Ainda garoto, ligava o rádio “Semp” da casa e ficava ouvindo Sousa Filho, Mauro César Uchoa, Fortunado Pinho e outros “rádio- escutas” que brilhavam no Ceará divulgando o que acontecia nos estádios de futebol de todo o Brasil e  do mundo. Até que um dia, frequentando as aulas do Colégio Estadual, conheceu o narrador esportivo à época, Alex Torres, que percebendo o interesse do jovem o levou para integrar a equipe de esportes da Rádio Cultura comandada, naquele momento por Alberto Pinheiro. Recebeu ainda o apoio do Nilton Ferreira(Pio), Wal Tavares e Márcio Aurélio.

1993-recebendo prêmio das mãos da senhora Auristela Camurça, sob os olhares de Hosmilda Ramos e José Nilson

Era o ano de 1992.  Genivaldo Ferreira é bastante grato ao Walber Cavalcante e José Carlos Alves que o convidaram a integrar a equipe esportiva da Rádio Monólitos no final dos anos 80, antes de se firmar no elenco da Cultura. Faz questão de ressaltar o apoio que sempre recebeu de Audílio Moura na sua trajetória radiofônica.  Começou carregando equipamentos para os repórteres de campo, aceitando tudo aquilo, como um grande aprendizado.

1994- jovem, começava a realizar seu sonho

Certa vez, trabalhando ao lado de Márcio Aurélio, puxando os pesados fios, ambos invadiram o campo pensando o jogo ter acabado e receberam aquela reprimenda do juiz que falou para os dois: “Saiam do campo, seus moleques!” Genivaldo assegura que tudo isso funcionou como um grande aprendizado. Mas ali, não era o lugar do jovem sonhador. Foi Alberto Pinheiro que o colocou no seu verdadeiro lugar no rádio, que é o de plantonista esportivo, ou seja, aquele que informa durante as transmissões, o que acontece em outras praças esportivas.

Alberto Pinheiro recomendou para o esforçado jovem: “fique ouvindo o Sousa Filho nas transmissões da Rádio Assunção e assim você aprende, menino!” Com o advento da internet, algumas emissoras optaram por retirar do ar estes profissionais, certamente trazendo enormes prejuízos para os ouvintes, pois desta forma, só se tinha acesso aos jogos de grande relevância. Com certeza, uma equipe esportiva sem a figura do plantonista fica desfigurada.

Dos profissionais que atuam no rádio quixadaense, Genivaldo Ferreira é um dos que mais se destacam. E agora com a Cultura na sintonia de frequência modulada(FM), mais admiradores conquistará este excelente profissional e bom caráter. Somos seus fãs, com certeza!

__
Colunista

Amadeu Filho
Colaborador da RC
Colunista
Radialista Profissional