Canindé: Governo do Ceará entrega Escola de Ensino Médio em assentamento rural

Após bons resultados na Educação, divulgados quarta-feira (25) e que colocam o Ceará em posição de destaque no Nordeste e no Brasil, o Governo do Ceará entregou, nesta quinta (26), mais uma Escola de Ensino Médio, desta vez no município de Canindé. A inauguração da Escola de Ensino Médio Filhos da Luta Patativa do Assaré, que teve solenidade aberta por apresentação artística de alunos, acontece uma semana depois de mais de 700 ex-alunos da rede pública estadual serem contemplados com bolsas do Avance – Programa Bolsa Universitário. O novo prédio, localizado no assentamento de Santana de Cal, tem capacidade para atender até 540 estudantes, de 36 comunidades do município, nos turnos manhã e tarde.

Acompanhado da vice-governadora Izolda Cela e do secretário da Educação, Idilvan Alencar, o governador Camilo Santana compartilhou a emoção de inaugurar mais um equipamento da educação. “Sempre me emociono quando entrego uma escola ou realizo uma ação na educação, mas hoje me emocionei mais. É uma escola que se diferencia das demais, porque ela acolhe filhos de agricultores, homens e mulheres do campo que trabalham diariamente para garantir a educação dos filhos”, dividiu o governador. “É uma escola que representa a resistência de gente que vive e quer viver no campo”, continuou.

O titular da Seduc também antecipou que, além desta, outras quatro escolas estão em construção: duas em Canindé – em Logradouro e Conceição Salitre; uma em Quixeramobim, em Nova Canaã; e outra no município de Mombaça, em Salão. “Nós respeitamos o projeto pedagógico desta escola. E é com alegria que, das 15 escolas estaduais em funcionamento na região, esta é 2º lugar nos resultados”, comemorou.

“É uma alegria que o governador entregue oficialmente esta escola, fruto de tanta luta e reivindicação pela educação, uma luta dos trabalhadores. E eu sei que esta é uma pauta cara para ele (Camilo Santana), principalmente pela formação dele, pelos princípios com que ele se guia na administração pública”, compartilhou a vice-governadora Izolda Cela. “Um governo inteligente começa pela educação”, acrescentou a prefeita de Canindé, Maria do Rosário.


Assentamentos

Com a nova unidade de ensino, o Ceará passa a contar com oito escolas em funcionamento em assentamentos rurais localizados em Canindé, Itapipoca, Itarema, Jaguaretama, Madalena, Monsenhor Tabosa, Ocara e Santana do Acaraú – atendendo cerca de 1.800 alunos.

A escola foi construída, mobiliada e equipada com recursos estaduais e federais, somando investimento de R$ 4.1 milhões. São seis salas de aula, biblioteca, laboratórios de Línguas, Informática e Ciências, além de quadra poliesportiva.

Uma escola de força

O diretor da escola, Erivando Barbosa, classifica a unidade como “simbologia para a classe trabalhadora da região”. Ele relaciona a instalação do prédio no assentamento com a luta dos trabalhadores do campo. “A palavra que mais define é isso: conquista. Mas essa conquista só estará completa se os trabalhadores continuarem garantindo que essa escola esteja a serviço dos interesses da classe trabalhadora, na produção do conhecimento para a dignidade da vida no campo”, avaliou.