Baixaria: Confusão na Câmara de Madalena envolveu vereador e secretários contra populares

Vídeo mostra o momento da confusão entre os populares com vereador e secretários

Região Central: A baixaria na política do município de Madalena terminou em quebra-quebra de cadeiras.  Um dos envolvidos foi o vereador João da Pipa, que está sendo acusado de protocolar na Câmara um atestado médico falso, pois estava no mesmo dia o estádio de futebol Castelão.

Nesta sexta-feira(08), a Mesa Diretora da Câmara Municipal, em nota de repúdio manifestou-se veemente rejeição ao comportamento indevido e agressivo praticado pelo Sr. Francisco Diego Gomes Pereira (Secretário de Assistência Social) e Suyane Mara Gomes da Silva (Secretária de Esporte e Cultura) contra os vereadores.

“Inaceitável para esta Casa e para a população o fato de o Sr. Diego Gomes e Suyane Mara, que ocupam os cargos de Secretários de Assistência Social e Esporte e Cultura respectivamente, agentes políticos municipais, de forma grosseira, gesticulando e em tom de provocação, chamando os vereadores de pilantras e mentirosos, bem como incitando os assistentes a usarem de violência, com supostos danos ao patrimônio público.” Diz a nota.

Acrescenta ainda, que mais do que moralmente incompatível para o cargo que ocupam no Poder Executivo, a conduta dos secretários, representa uma afronta ao Legislativo Municipal, já que referidos comportamentos reprováveis provocaram a suspensão e posterior encerramento da sessão.

Leia mais: Atestado médico falso: Popular pede cassação do mandato de vereador de Madalena por quebra de decoro

Veja o vídeo da briga