Após 51 anos, Quixadá Futebol Clube não jogará o Campeonato Cearense por falta de dinheiro

Escudo_Quixada_QFCO Quixadá Futebol Clube está oficialmente fora do Campeonato Cearense de 2017, a decisão foi confirmada pelo atual presidente da equipe, Francisco Roberto de Sousa Lima – Betinhos Motos, ao portal Revista Central.

O presidente revelou que o Canarinho do Sertão necessitava de R$ 284.000,00 (duzentos e oitenta e quatro mil reais), para participar do Campeonato Cearense da 2ª Divisão. Esse valor seria destinado para pagamento de taxas junto a Federação Cearense de Futebol, arbitragem, viagens, hospedagens e para os jogadores.

“Procuramos o prefeito Ilário Marques por várias vezes, foi nos oferecido um valor de R$120.000,00 (cento e vinte mil reais), mas seria insuficiente devido os gastos” cita Betinho. Ele cobra da Prefeitura um valor atrasado de 2016.

“Já comuniquei à Federação Cearense de Futebol sobre a desistência do Quixadá e hoje estaremos assinando os documentos”.  Com a desistência, o time oficialmente estará rebaixado para a Série C.

Resposta

O Secretário de Esportes, Audênio Moraes  explicou a situação, “não temos orçamento para apoiar time profissional, para isso, seria necessário um aditivo aprovado pela Câmara”. Audênio destaca que no orçamento foi colocado um valor destinado a times amadores.

“Mesmo assim, a Prefeitura de Quixadá ainda ofereceu um valor, mas eles se anteciparam e estão desistindo”, finaliza.

Betinho cita que o valor oferecido ainda seria dividido em quatro vezes, porém, o Campeonato já tem início no da 19 de março. “Já tínhamos alguns jogadores que o Dr. Walmir conseguiu, mas esse empasse nos impedir de colocar o time no Cearense”.

Numa rede social, o esportista Francisco Ferreira – Pio fez um desabafo: “Meus amigos desportistas que torcem pelo o nosso Quixadá Futebol Clube, vocês vão ter o desprazer de ver uma coisa que não acontece há 51 anos. O nosso time fica fora de uma competição do campeonato cearense de futebol”.