Piauiense foragido da Justiça é preso pela Polícia Civil em Banabuiú

A

O homem foi capturado após um trabalho de inteligência subsidiado por equipes da Delegacia Municipal de Banabuiú. foto: divulgação 

troca de informações entre as Polícias Civil do Estado do Ceará (PC-CE) e do Piauí (PC-PI) resultou na prisão, nessa terça-feira (21), de um homem de 34 anos, suspeito de ser partícipe de um homicídio, na localidade de Lagoa do Barro, No Piauí. O alvo, que se encontrava foragido desde o começo deste mês, percorreu cerca de 577 Km para tentar se desvencilhar da Justiça Piauiense. Ele, que se escondia em território cearense, foi preso no município de Banabuiú- Área Integrada de Segurança 20 (AIS 20) do Ceará. Com ele, nada de ilícito foi encontrado.

O alvo identificado como Cleudo Melo Silva (34), vulgo “Cleudo Mocó”, foi capturado após um trabalho de inteligência subsidiado por equipes da Delegacia Municipal de Banabuiú. Após receberem informações sobre ele, que, com base nas investigações realizadas pela PC-PI, é partícipe de um homicídio qualificado cometido no último dia 13 deste mês, onde ele e mais duas pessoas mataram, por motivo fútil, um homem de pouco mais de 30 anos, na cidade piauiense.

Com a decisão judicial em mãos e com a localização do foragido, de pronto os policiais civis do Ceará foram até o bairro Centro, em Banabuiú, onde lograram êxito na prisão do alvo. Com isso, ele foi levado à Delegacia Regional de Quixadá, onde o mandado de prisão preventiva pelo crime de homicídio qualificado foi cumprido. A PC-CE realizava todas as tratativas para o recambiamento do suspeito ao Piauí.