Ministério da Saúde libera dose de reforço contra Covid-19 para pessoas a partir de 40 anos

De acordo com a recomendação, as pessoas a partir de 40 anos já podem procurar uma sala de vacinação a partir desta segunda (20) (Foto: prefeitura de Madalena)

O MInistério da Saúde liberou a dose de reforço para pessoas com 40 anos de idade ou mais, que iniciaram o esquema vacinal com a Coronavac, Pfizer ou AstraZeneca. A recomendação é válida a partir desta segunda-feira (20).

De acordo com o Ministério da Saúde, o recomendado é que a imunização seja feita com as vacinas da Pfizer, AstraZeneca ou Janssen, após o intervalo de quatro meses da aplicação do primeiro reforço. Com a inclusão dessa faixa etária, aproximadamente 9 milhões de pessoas deverão se vacinar.

Quem iniciou o esquema vacinal com a dose única da Janssen também deverá reforçar a proteção contra o vírus. A última recomendação era para aplicação de dose de reforço em pessoas a partir dos 18 anos, dois meses após a primeira aplicação. Agora, quem tem 18 anos ou mais deverá receber um segundo reforço quatro meses após o primeiro reforço.

Aqueles com idade superior a 40 anos precisam de um terceiro reforço, que deverá ser aplicado após o intervalo de quatro meses do segundo. Nesses casos, a recomendação é que sejam usadas as vacinas AstraZeneca, Pfizer ou Janssen.

Reforçar a imunização é importante para evitar casos graves e óbitos por Covid-19, por isso, o Ministério da Saúde busca conscientizar a população quanto aos benefícios da vacinação. Aproximadamente 22 milhões de brasileiros que iniciaram a vacinação contra a Covid-19 estão aptos para a segunda dose. A estimativa para a primeira dose de reforço, indicada para quem tem 12 anos ou mais, é de 62 milhões de pessoas aptas; e aproximadamente 27 milhões, no caso da segunda dose de reforço. Essas pessoas já podem procurar um posto de vacinação e receber o imunizante.