De Quixeramobim para Paris: filme do cearense Halder Gomes estreia em festival

O evento francês, que terá abertura no próximo dia 29 de março, exibirá no total 30 filmes brasileiros. ⁠Foto: divulgação

Nova comédia do cineasta cearense Halder Gomes, o longa-metragem “Bem-vinda a Quixeramobim” terá estreia em abril, dentro da programação do 24º Festival do Cinema Brasileiro de Paris. Com nomes como Edmilson Filho, Max Petterson, Silvero Pereira e Falcão no elenco, a produção é protagonizada por Monique Alfradique. O evento francês, que terá abertura no próximo dia 29 de março, exibirá no total 30 filmes brasileiros.

A comédia cearense, que estreará no evento em 3 de abril, acompanha Aimée, uma empresária rica e esnobe que precisa viajar ao sertão cearense para conhecer uma fazenda que herdou como patrimônio e que pode salvá-la da falência.

Preconceituosa, ela esconde a viagem dos amigos e dos seguidores das redes sociais enquanto passa por um choque de realidade no município. Além do elenco cearense, “Bem-vinda a Quixeramobim” conta também com as participações de Luís Miranda e Chandelly Braz, entre outros nomes.

O filme será uma das produções nacionais exibidas neste ano no 24º Festival do Cinema Brasileiro de Paris, sendo a única cearense da edição. Na seleção do ano, entre longas inéditos ou que já estrearam no Brasil, estão “Deserto Particular”, de Aly Muritiba, “Marighella”, de Wagner Moura, “Medusa”, de Anita Rocha da Silveira, e “Os Primeiros Soldados”, de Rodrigo de Oliveira.

Recentemente, outra obra assinada por Halder Gomes, a série “O Cangaceiro do Futuro”, foi anunciada pela Netflix.

 

Com informações do Opovo