Pedra Branca, Missão Velha e Martinópole elegem novos prefeitos neste domingo

eleicoes2016_urna
Três cidades do Ceará têm eleições suplementares neste domingo, 1º de agosto. — Foto: Divulgação

Eleitores de Martinópole, Missão Velha e Pedra Branca, todos no interior do Ceará, elegem novos prefeitos neste domingo (1º). As eleições suplementares ocorrem porque os candidatos mais votados de 2020 tiveram problemas com a Justiça e não puderam assumir os governos municipais. O pleito ocorre entre 7h e 17h, como no ano passado.

Confira os candidatos em cada município por ordem alfabética:
Martinópole
Em Martinópole, 9.347 eleitores votarão em 33 seções, distribuídas em nove locais. A eleição será conduzida pelo juiz eleitoral Hugo Gutparakis de Miranda, com o apoio do promotor eleitoral Victor Borges Pinho, da chefe de cartório da 25° ZE, Rejani Alves de Carvalho Sousa, e da equipe de colaboradores da Zona.

Os candidatos são:

Francisco Ediberto de Souza (nome na urna: Betão do James Bel) e vice Filipe Félix Sousa, 11. Coligação “Por um Martinópole cada mais forte”
Francisco Fontenele Júnior (nome na urna: Junior Fontenele) e vice Joe Hallyson Aguiar Silva, 22. Coligação “A Esperança do povo é a nossa força”
Missão Velha
Em Missão Velha, 27.602 eleitores votarão em 92 seções, distribuídas em 36 locais. O juiz eleitoral Djalma Sobreira Dantas Júnior comanda o pleito e conta com a contribuição do promotor eleitoral André Luiz Simões Jácome, do chefe de cartório José Wellington Nogueira e dos colaboradores do cartório.

Os candidatos são:

Luiz Rosemberg Dantas Macedo Filho (nome na urna: Dr. Lorim) e vice Rodrigues Roberto, 12, Coligação “A Esperança do Povo”
Maria das Graças da Silva (nome na urna: Fitinha) e vice Tião Fechine, 13. Coligação “Unidos pela vontade do povo”
Pedra Branca
Já em Pedra Branca, são 32.063 eleitores que votarão em 129 seções, distribuídas em 71 locais. A eleição em Pedra Branca será liderada pelo juiz eleitoral Adriano Ribeiro Furtado, com a parceria da promotora eleitoral Karina Mota Correia, da chefe de cartório Iara Gabriela Macedo Benitez e da equipe de colaboradores da 59° ZE.

Os candidatos são:

Antonio Menezes de Souza (nome na urna: Padre Antônio) e vice Joaquim Alberio Feitosa, 12. Coligação “Eu Acredito”
Matheus Pereira Mendes (nome na urna: Matheus Góis) e vice Francisco David Alves de Melo, 55. Coligação “Juventude e Experiência para uma nova Pedra Branca”
O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) informa que trabalha para que as eleições suplementares nesses municípios ocorram de forma organizada e segura para todos, como a proibição da venda e consumo de bebida alcoólica. Os protocolos sanitários definidos pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em conjunto com médicos e especialistas, serão seguidos no dia da votação.

Nesse contexto, a Justiça Eleitoral do Ceará contribui para que 69.012 eleitores possam votar nas urnas eletrônicas das 254 seções eleitorais, distribuídas nos 116 locais de votação dos municípios de Martinópole, Missão Velha e Pedra Branca.

Ao todo, nos três municípios, mais de 2000 pessoas estão envolvidas em todo processo eleitoral: são mesárias, mesários, auxiliares de eleição, delegadas e delegados de prédio, magistradas, magistrados, promotoras e promotores eleitorais, terceirizadas, terceirizados, servidoras e servidores das Zonas, dos Núcleos de Apoio Técnico e de unidades do TRE-CE, e policiais.

Distribuição das urnas eletrônicas
Na manhã deste sábado, as Zonas Eleitorais de Martinópole, Missão Velha e Pedra Branca realizaram a distribuição das urnas eletrônicas que funcionarão nas eleições suplementares deste domingo.

As 254 urnas de seção foram distribuídas nos 116 locais de votação dos três municípios:

Martinópole: 33 seções, distribuídas em 9 locais;
Missão Velha: 92 seções, distribuídas em 36 locais;
Pedra Branca: 129 seções, distribuídas em 71 locais.
Nos locais de votação, as equipes dos cartórios eleitorais testaram urna a urna e verificaram o correto funcionamento, bem como hora, data, local e seção correspondente. Além disso, foram checadas as condições elétricas dos locais onde funcionarão as seções eleitorais.