Frieza e barbaridade: mãe de 26 é presa suspeita de torturar três filhos de 11, 7 e 5 anos no Ceará

Mulher estava foragida de Caucaia, onde morava com os três filhos, após ser investigada pelos maus tratos. (Foto: divulgação PCCE)

Uma investigação da Polícia Civil descobriu um crime bárbaro: uma mãe de 26 anos é apontada como suspeita de torturar e maltratar os três próprios filhos, uma criança de 11 anos, outra de sete e uma de apenas cinco anos. A mulher foi presa no município de São Gonçalo do Amarante, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), onde se encontrava foragida.

A captura e prisão aconteceram na última sexta-feira (23). De acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS-CE), a mulher residia no município de Caucaia onde os crimes aconteciam, conforme o levantamento policial durante as investigações.

Após o acionamento das autoridades policiais acerca de um crime de tortura contra crianças no município de Caucaia, a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Caucaia iniciou as investigações a fim de identificar a veracidade do caso. Com o apoio do Conselho Tutelar da região, que procurou as autoridades para relatar o caso, os policiais civis identificaram, no curso das investigações, que os crimes, praticado pela mulher de 26 anos, contra seus três filhos, eram frequentes.

Os abusos, torturas e maus tratos eram praticados contra crianças de 11, sete e até uma de cinco anos de idade. Elas moravam com a mãe e, conforme apontado pelas investigações, eram frequentemente alvo dos destratos praticados pela genitora. A SSPDS-CE, no entanto, não detalhou que tipos de crime a mãe cometia.

Mediante a constatação da denúncia, a delegacia especializada representou pela prisão preventiva da mulher, que se encontrava foragida e se escondendo em outro município. Com a decisão judicial em mãos, os policiais se deslocaram até São Gonçalo do Amarante, onde ela foi localizada e presa. A mulher foi conduzida à especializada e, agora, ficará à disposição da Justiça.