Polícia Civil prende vereador acusado de manter a esposa em cárcere privado no interior do Ceará

A vítima, uma mulher de 22 anos, acionou a Polícia Civil. Foto divulgação

 

Uma ação da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), nessa segunda-feira (5), resultou na prisão de um homem de 40 anos, vereador de Barreira, município da Área Integrada da Segurança 15 (AIS 15) do Estado. Ele é suspeito de manter a companheira em cárcere privado. O homem foi capturado por força de mandado de prisão temporária, na residência dele, no bairro Croatá, onde também foi cumprido um mandado de busca e apreensão.

O político é investigado pelos crimes de lesão corporal, ameaça, cárcere privado e violência sexual contra a companheira. A vítima, uma mulher de 22 anos, acionou a Polícia Civil após se desvencilhar do suspeito e fugir durante uma viagem para Fortaleza. A fuga ocorreu no último dia 26 de março.

Em um vídeo divulgado em rede social, a vítima alega que precisou fugir após sofrer diversas ameaças. Entre as alegações, a mulher, que conviveu com o vereador por sete anos e com quem possui uma filha, afirmou que era proibida de sair de casa sozinha ou ter aparelho celular.

Logo após tomar conhecimento do caso, os policiais civis iniciaram as investigações que culminaram na prisão do investigado. As apurações continuam no sentido de localizar indícios dos crimes cometidos pelo homem contra a companheira.