Polícia Civil encerra festa clandestina com gravação de DVD e autua seis pessoas na zona rural de Quixadá

O trabalho operacional resultou nas autuações de seis pessoas por infração de medidas sanitárias preventivas de combate ao coronavírus. Foto: divulgação

Festas clandestinas, bebidas alcoólicas e aglomerações. Esses foram os cenários que a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) se deparou em alguns pontos na cidade de Quixadá, no último fim de semana. Os eventos, que foram todos encerrados em ofensivas realizadas pelos agentes de segurança, tiveram início ainda na sexta-feira (23). Até uma festa que ocorreria a gravação de um DVD foi encerrada. O trabalho operacional resultou nas autuações de seis pessoas por infração de medidas sanitárias preventivas de combate ao coronavírus (Covid-19).

Os trabalhos dos policiais civis tiveram início ainda na tarde da última sexta-feira (23), quando os agentes foram informados de que uma festa era realizada na zona rural de Quixadá, em um espaço privado. Deslocando-se até imóvel, os investigadores constataram a veracidade dos fatos. Cerca de 20 pessoas estavam no local. Ainda na casa, quatro pessoas foram conduzidos à delegacia, onde um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por descumprimento de medidas sanitárias preventivas.

Em um trabalho continuado e de prevenção, já no sábado (24), os policiais civis souberam que seria realizada uma live, com gravação de um DVD de uma banda de forró local, em um espaço particular. Desse modo, os policiais civis foram até o endereço e confirmaram que o local seria usado para a realização do evento musical. Eles orientaram os organizadores da festa a não realizarem as gravações. Os envolvidos foram dispersados e o evento nem chegou a ser iniciado.

No domingo (25), já no terceiro dia de operação, na localidade de Várzea da Onça, os policiais civis se deslocaram até um estabelecimento comercial, onde funciona um bar. Lá eles se depararam com cerca de 15 pessoas que estavam consumindo bebida alcoólica. Além da aglomeração, carros que estavam com som automotivo tiveram os equipamentos apreendidos. Duas pessoas foram conduzidas à delegacia e autuadas por descumprirem medidas sanitárias.