Missas em Quixadá continuam sem presença de fiéis até 11 de abril, comunica Diocese

Decisão da Diocese de Quixadá abrange vinte paróquias em dez municípios da região. (Foto: Diocese de Quixadá)

Nesta segunda-feira (5), a Diocese de Quixadá, comunicou através de nota oficial que as celebrações continuam sendo realizadas virtualmente sem a presença de fiéis. A medida abrange vinte paróquias de dez municípios.

“Até o próximo dia 11 de abril, continuaremos com as celebrações sem a presença de fiéis sendo transmitidas pelos meios de comunicação disponíveis em cada paróquia”, anunciou a Diocese em nota. Portanto, as paróquias localizadas nos municípios de Banabuiú, Boa Viagem, Capistrano, Choró, Ibaretama, Itapiúna, Itatira, Madalena, Quixadá e Quixeramobim, devem manter a suspensão da presença de fiéis em missas, por pelo menos, mais seis dias.

A nota continua afirmando que a Diocese segue acompanhando os decretos estaduais e que já avalia o cenário de reabertura. ”A partir do dia 12 [de abril], com a provável saída da situação de ‘lockdown’, retornaremos com as celebrações presenciais obedecendo, como sempre, a todas as medidas sanitárias, como também a porcentagem permitida de fiéis”.

O novo decreto estadual que entra em vigor no Ceará foi publicado nesta segunda-feira e estabelece o retorno de missas e cultos em todo o Estado. A medida segue de acordo com decisão do Superior Tribunal Federal (STF), que determinou em caráter liminar, ou seja, provisório, que estados, municípios e Distrito Federal não podem modificar as normas de combate à pandemia do novo coronavírus que proíbam por completo celebrações religiosas presenciais. Ainda assim, o decreto estadual recomenda às instituições religiosas que permaneçam realizando as celebrações de forma virtual.