URGENTE: Mombaça decreta lockdown após três mortes e 75 casos de Covid-19 em um único dia

 

Prefeito de Mombaça, Orlando Filho, decretou medidas mais rígidas após mortes e novos casos na cidade (Foto: reprodução)

Região Central: A cidade de Mombaça, no Sertão Central, entrou em lockdown. A medida de isolamento social rídigo começou a partir da meioa-noite desta quinta-feira (25) e segue até às seis da manhã da próxima segunda-feira (1º). O lockdown foi ordenado pelo prefeito de Mombaça, Orlando Filho, em um novo decreto lançado nesta quarta. É a primeira cidade do Ceará a se ter notícia que usa a medida de lockdown para o combate da pandemia.

O documento assinado pelo prefeito traz mais de 30 medidas que deverão ser rigorosamente obedecidas, sob pena de multa que varia de R$ 200 para o caso de pessoa física, até R$ 50 mil para infrações cometidas por pessoa jurídica. A principal delas é a proibição da circulação de pessoas e veículos nos espaços e vias públicas. O decreto deixa explícito o dever a qual o cidadão estará submetido de se manter em casa e em isolamento. Será permitida a circulação de pessoas na cidade apenas por motivo de doença, cuiudado com idosos, participação em questões judiciais, assistência a pessoas com deficiência, idosos e crianças e atividades de imprensa.

Por causa do decreto os bancos e lotéricas de Mombaça não vão abrir para atendimento ao público nesta quinta-feiera (25) e sexta-feira (26). Também estarão proibidos de abrir bares, indústrias, fábricas, serviços da construção civil, serviços de mecânica, barbearias, cabeleleiros, salões de beleza, academias, box comerciais, centros de treinamento, igrejas e templos religiosos. Laboratórios e clínicas médicas particulares também não poderão funcionar para atendimento ao público. Serviços de entrega de água e gás é permitido até às 20h e velórios só podem ocorrer com o máximo de 15 pessoas pelo período de até duas horas.

Os estabelecimentos e ambientes listados no Decreto que descumpram as medidas poderão ser interditados por sete a 30 dias, além de serem multados. A fiscalização será realizada por equipes da Secretaria de Saúde, Guarda Municipal, Demutran, Polícia Civil e Militar além de equipes de fiscais da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa).

Apesar do grave cenário provocado pela segunda onda de disseminação do Covid-19 no Ceará, ainda não existia a informação de nenhuma cidade a decretar o isolamento social rígido. Mombaça se torna, portanto, a primeira cidade do estado a decretar o Lockdown. A medida foi tomada depois em que Mombaça registrou, em um único dia, três mortes provocadas pela doença e 75 casos confirmados de Covid-19.

Na noite de ontem o prefeito Orlando Filho usou suas redes sociais para sensibilizar a população acerca das medidas. “Foi uma decisão conjunta. Nós resolvemos elaborar esse decreto para conter a disseminação do coronavírus em Mombaça. Ele vem como uma medida de salvar vidas, de cuidar da saúde da população de Mombaça e para isso nao mediremos esforços”. O prefeito ainda detalhou que na próxima segunda a equipe do Comitê de Covid do município se reúne para avalisar se continua com o decreto ou se flexibiliza as medidas.