Festa de São Francisco em Canindé será virtual este ano em função da pandemia

Festejos serão de forma virtual este ano por causa das recomendações contra o Covid-19 (Foto: Santuário de São Francisco)

Região Central: a pandemia do coronavírus deve afetar significativamente o movimento de fiéis na festa de São Francisco de Assis, no município de Canindé, na região Central do Ceará. Devido ao ano atípico e as recomendações dos decretos estaduais e municipais que prevem evitar aglomerações, as missas devem ocorrer com um movimento menor e as visitações aos locais do Santuário de São Francisco deve ter um número reduzido.

Os festejos tiveram início nesta terça-feira (6) e seguem até o dia 16 de outubro. De acordo com a organização, os vários momentos de programação da festa, em comparação com os anos anteriores, estão programados para acontecer de forma virtual para seguir as recomendações que foram repassadas pela Arquidiocese de Fortaleza. ” Novena, Via-Sacra, Missa Solene e o programa Momento Festa serão todos transmitidos pelos meios de comunicação do Santuário”, informou o Santuário.

Apesar dos festejos começarem nesta terça, tradicionalmente o movimento na cidade em anos normais começa mesmo antes. O comércio religioso ferve, as romarias invadem a cidade, as casas de abrigo mantidos pelo Santuário para hospedar os romeiros, todos estes espaços ficam movimentados, alterando a rotina de Canindé. Mas este ano, nada disso aconteceu. O receio e o temor da proliferação da Covid-19 faz a cidade parecer que está em dias normais.

No fim de semana, o movimento na Basílica era tímido e a visitação de romeiros e fiéis na Estátua de São Francisco, ponto turístico do município, quase não aconteceu. O comércio ficou congelado: não havia quase ninguém para comprar um terço sequer. Quem tinha promessas para pagar na Casa dos Milagres recebeu o perdão indulgente da igreja para pagar sua penitência anos depois, para que não se sentissem obrigados a ir para a igreja e assim causar tumulto.

“Neste ano, a Festa de São Francisco das Chagas de Canindé acontecerá de uma forma nova, com os nossos romeiros em casa, rezando conosco e agradecendo a Deus por todas as graças”, pontua Frei Jonaldo Adelino de Souza,OFM, pároco-reitor da Paróquia Santuário de São Francisco das Chagas. Novidade neste ano são as Lives Em Clima de Festa, iniciativa com o objetivo de arrecadar recursos para a manutenção do Santuário. Serão realizadas nos dias 6, 11 e 16 de outubro, às 19h. “Será mais uma forma de estarmos juntos dos devotos de São Francisco espalhados por todo o Brasil. São eles que mantém essa Basílica, por isso queremos homenageá-los”, enfatiza o frade.

A Basílica estará aberta todos os dias da Festa para visitação das 7h às 8h30 e das 10h30 às 16h40. As visitas serão organizadas por ordem de chegada. As Missas diárias serão celebradas às 6h e 9h com participação apenas da equipe celebrativa. Todos os dias haverá uma edição do programa Momento Festa, às 17h. A Novena acontecerá logo em seguida, às 18h, transmitida direto da Basílica.