Confirmado: asteróide cai no Ceará e barulho de explosão no céu é escutado em seis cidades

Satélites capturaram o momento em que o fenômeno aconteceu; barulho de explosão no céu assustou moradores (Foto: divulgação)

Pesquisadores e estudiosos confirmaram durante o fim de semana o que estava sendo especulado: está confirmado que um asteróide caiu no Ceará. O fenômeno foi registrado no último sábado (10) e provocou um enorme estrondo e um forte barulho de explosão. Moradores de seis cidades escutaram o barulho e houve pânico. Ninguém ficou ferido.

A queda de um asteróide na terra é cercado de medo em função dos vários filmes já produzidos pela indústria do cinema, mostrarem um cenário de completa destruição quando este fenômeno acontece. Além disso, pelo ritmo de vida pacato e tranquilo vivido no interior do Ceará, muitas pessoas demoraram a acreditar no fato porque seria algo quase inimaginável.

Mas no domingo (12) o asteroide em queda nas terras cearenses foi confirmado pela Rede Brasileira de Monitoramento de Meteoros (Bramon) ao jornal Diário do Nordeste. “De acordo com relato do astrônomo, Lauriston Trindade, da Bramon, o objeto foi avistado ao sul de Fortaleza próximo da região do Maciço onde se deslocou no sentido noroeste”, afirmou o jornal.

Moradores de seis municípios da região do Maciço de Baturité teria escutado, simultaneamente o barulho da explosão provocado pelo momento em que o asteróide entra na astmosfera terrestre. O som foi ouvido por volta de 6h50 da manhã do sábado nas cidades de Baturité, Redenção, Pacoti, Mulungu, Palmácia e Guaramiranga.

Apesar do susto, ninguém ficou ferido e agora a Bramom está levantando informações, a partir de dados colhidos por satélites em órbita na terra, e por equipamentos das estações espaciais, que possam ajudar a identificar como ocorreu o fenômeno e qual o tamanho da rocha.

“A gente vai tentar calcular a massa dele porque existem estações de infrassom pelo mundo que podem ter registrado também esse som. Foi um pequeno asteróide, a gente tem convicção pela magnitude, pelo poder que ele teve, de que se trata de um objeto relativamente grandinho”, afirmou a Bramom ao Diário.

Até que o fenômeno fosse confirmado no domingo pelo órgão ao jornal, várias hipótese surgiram. Muitos acreditaram que tivesse ocorrido a queda de uma avião nas serras da região do Maciço. Houve quem levantasse a suspeita de que seria um trovão e mesmo um terremoto. Sem que nada tivesse sido ainda confirmado, os boatos foram ganhando corpo e muitos, de fato, passaram a acreditar nos relatos sem respaldo técnico. Com a confirmação do órgão de astronomia, as demais hipóteses foram descartadas.