Quixeramobim não registra novas mortes por coronavírus já há uma semana

O município de Quixeramobim alcançou a marca de uma semana sem registrar novos casos de coronavírus. De acordo com os dados da Secretaria de Saúde e atualizados pela Prefeitura de Quixeramobim, a cidade manteve por sete dias a marca de 90 mortes em decorrência do Covid-19. Na atualização desta quarta-feira (9), porém, o número subiu para 91.

Desde o último dia 2 de setembro até a última terça-feira (8), a cidade mantinha o registro de óbitos em 90. Esse número foi alterado no último dia 1º de setembro, quando Quixeramobim passou da marca de 88 mortes para 90, permanecendo até esta quarta, quando a nova atualização fez o número de mortes subir para 91.

Esse levantamento significa que do dia primeiro de novembro até agora, a cidade só teve duas novas mortes. No mesmo período do mês passado, ou seja, do dia 1º a 9 de agosto, Quixeramobim teve 14 novas mortes, passando de 59 para 73 novos falecimentos. Ou seja, um percentual 700% menor no número de óbitos.

Quixeramobim ainda sustenta a marca de município da Região Central com o maior número de mortes em comparação com todos os demais municípios: a cidade tem 91 óbitos, número maior do que Quixadá e do que Canindé, que meses antes, também registraram um cenário pandêmico preocupante.

No entanto, mesmo sustentando essa marca tão amarga, a julgar pelo percentual menor nos casos de mortes registradas, é possível prever que Quixeramobim esteja numa situação mais confortável em relação a período anteriores. A Secretaria de Saúde segue realizando ações estratégicas no município que funcionem como uma forma de combate à pandemia.

De acordo com os dados do último boletim epidemiológico, Quixeramobim tem um total de 2.507 casos descartados e 2.173 casos confirmados. Um total de 370 pessoas ainda estão aguardando resultado dos exames. 1.841 pessoas receberam alta e outras 241 estão em acompanhamento.