Festa da Padroeira de Banabuiú será de forma virtual por causa da pandemia

A Paróquia Nossa Senhora de Fátima, de Banabuiú, vai realizar de forma virtual as festas da padroeira este ano, em função da pandemia do coronavírus. A programação inclui missas transmitidas online nas redes sociais da paróquia, e o cancelamento da programação festiva na modalidade presencial.

Na manhã desta quarta-feira (9) a pastoral da comunicação da Paróquia lançou o cartaz oficial da festa que, este ano, terá como temática “Com o exemplo de Maria sejamos fortalecidos na fé”. O evento será realizado entre os dias 3 e 13 de outubro. Nas redes sociais a pastoral esclareceu que este ano a festa acontece “De um jeito diferente”, fazendo uma relação com o período de restrição de aglomerações em função da pandemia, “mas com a mesma fé para exaltar e glorificar nossa mãe santíssima!”.

O pároco de Banabuiú, Luciano Limaverde, afirmou durante o final da missa do último domingo que todos os detalhes da festa estão prontos. “Todas as pastorais já estão se movimentando e estão deixando tudo pronto para a festa da nossa Padroeira. Vamos fazer um grande momento”, disse.

Os detalhes da programação serão divulgados no decorrer da próxima semana, conforme anunciou a Pastoral da Comunicação, mas já se sabe que a parte cultural da festa, com as tradicionais quermesses, não serão realizadas. Isso sinaliza para um período difícil pela qual deve passar a igreja de Banabuiú em termos financeiros: era da festa que vinha o melhor saldo para as despesas extras durante o ano. Sem esse momento social do evento, a Paróquia deverá precisar ainda mais dos fiéis para que ajudem a manter a instituição religiosa por outros meios, como o dízimo.

Luciano Limaverde já anunciou que as missas com a presença de fiéis retornam em Banabuiú a partir do dia 19 de setembro, seguindo uma série de recomendações das autoridades sanitárias municipal. Os fiéis só poderão acessar à igreja de máscara e o número será limitado a 116 pessoas por missa, em função do distanciamento social. A igreja recomendou que todos devem trazer álcool em gel de casa. Estes mesmos protocolos serão seguidos nas celebrações durante a festa.