PF cumpre 22 mandados de prisão no Ceará contra facção criminosa por tráfico de drogas e lavagem de dinheiro

A Polícia Federal (PF) deflagrou 13 mandados de busca e apreensão e 22 de prisão, na manhã desta segunda-feira, 31, contra facção criminosa por tráfico de drogas e lavagem de dinheiro em Fortaleza. Ação coordenada pela PF teve apoio da Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (FICCO). A primeira fase da Operação Caixa Forte foi realizada em todo território nacional, por onde se estende a atuação do grupo criminoso.

Ao todo, foram cumpridos 422 mandados de prisão preventiva e 201 mandados de busca e apreensão, em 19 estados brasileiros e no Distrito Federal. Conforme a PRF, 210 integrantes do alto escalão da facção foram identificados. Recolhidos em presídios federais, eles recebiam valores mensais por terem ocupado cargos de relevância na organização. Criminosos que faziam missões determinadas pela chefia da facção, como execuções de servidores públicos, também foram identificados.

Aproximadamente 1.100 policiais federais cumpriram 623 ordens judiciais expedidos pela 2ª Vara de Tóxicos de Belo Horizonte/MG. A Justiça também bloqueou R$ 252 milhões. Em Fortaleza, 60 policiais federais participaram da operação com apoio de oito policiais militares.

Com informações do Opovo