Polícia prende jovem suspeito de ser autor do duplo homicídio em Quixeramobim

Quixeramobim: menos de uma semana depois do duplo homicídio em Quixeramobim, o trabalho competente de investigação da equipe da Polícia Civil daquele município em relação a este crime, mostra os primeiros resultados. Um adolescente foi preso na tarde desta quinta-feira (23) suspeito de participação no crime. A Polícia chegou até Bruno da Silva Araújo, apelidado de “Boca Larga” depois de levantar informações que o apontam como um possível executor do duplo homicídio.

As equipes da Delegacia Municipal de Polícia Civil de Quixeramobim prenderam Bruno em uma residência na Rua Vereador Edmilson Patrício, Bairro Pompeia. De acordo com as equipes, um inquérito policial foi instaurado para apurar os fatos e a autoridade policial representou pela prisão preventiva de “Boca Larga”. Junto com ele também foi apreendida uma adolescente de 17 anos, também suspeita de ter participado da dupla execução.

O crime aconteceu na madrugada do último sábado (18), na Rua Projetada, no bairro Jardim Norte, próximo a um conjunto habitacional. As vítimas foram dois adolescentes, que morreram a tiros. O avançar da investigação que resultou na prisão dos dois suspeitos, também divulgou o nome das vítimas. Tratava-se, de acordo com a Polícia, de: José Maria Cosmo Ferreira e Marcos Vinícius da Silva Sousa.

A maioria dos tiros disparados contra os dois adolescentes foram na região da cabeça. Alguns dos disparos teriam atingido o braço e as costas. Os policiais que atenderam a ocorrência comprovaram que os dois corpos estavam amarrados com cordas e unidos um ao outro por um pedaço de tecido. A boca deles também estava amordaçada.