Polícia acaba com orgia em quarto de motel com 25 pessoas após denúncia de aglomeração

Várias pessoas foram encontradas nuas e seminuas no local, de acordo com a Polícia (Foto: Fiscalização de Aparecida de Goiânia)

Uma orgia com cerca de 25 pessoas que acontecia em um quarto de luxo de um motel, foi encerrada pela Polícia após uma denúncia de aglomeração. O fato aconteceu na última quarta-feira (8) na cidade de Aparecida de Goiânia. O organizador da festa foi multado em R$ 20 mil.

De acordo com jornais do estado a festa acontecia regada a bebidas e tinha a participação de garotas de programa. Várias delas foram encontradas nuas e seminuas pelas equipes da Polícia e da fiscalização municipal quando chegaram ao local. Vários casais faziam sexo explícito no momento do flagrante e foram surpreendidos com a chegada das equipes.

Na cidade de Aparecida de Goiânia está em vigor um decreto rígido de isolamento social, que estabelece regras para evitar aglomerações, com o intuito de banir o avanço do coronavírus. O organizador do evento no motel foi multado em R$ 20. Um dia antes a Polícia multou o mesmo homem em R$ 10 mil depois que equipes da Guarda Municipal puseram fim a uma festa que acontecia com várias pessoas em uma chácara. Ele não teve o nome divulgado.

Os casais que estavam no espaço e que estavam sem máscara também foram multados em R$ 106 cada pelo descumprimento da medida que obriga o uso da proteção individual. O motel Eros, onde acontecia a orgia, também foi multado pela prefeitura de Aparecida de Goiânia em R$ 10 mil. O responsável disse, em entrevista a uma TV, que o organizador do evento entrou como cliente e depois, sem autorização do local, abriu o portão para os convidados. Ele afirmou que só soube da aglomeração com a chegada da fiscalização.