Operação “Carrocinha II” cumpre 15 mandados judiciais e prende sete acusados por tráfico de drogas em Banabuiú e Quixadá

Região Central: uma operação para o cumprimento de mandados de prisão e busca e apreensão contra suspeitos de tráfico de drogas nas cidades de Quixadá e Banabuiú, foi deflagrada nessa terça-feira (19). Sete pessoas foram presas sendo quatro em flagrante. As informações são da Secretaria de Segurança Pública do Ceará (SSPDS/CE).

Intitulada “Carrocinha II” a operação teve por finalidade dar continuidade aos trabalhos de combate ao tráfico de drogas na região. A ação policial consistiu no cumprimento de 15 mandados, sendo 11 de busca e apreensão e quatro por prisões preventivas pelos crimes de tráfico ilícito de drogas e associação para o tráfico. Um dos suspeitos, que já estava com um mandado de prisão em aberto, também foi preso em flagrante pois estava em posse de 125 gramas de cocaína no momento da captura. Os indivíduos já vinham sendo investigados pela Polícia desde o final de 2019.

Foram presos: Cicero Kelvin Gomes Farias (22), Helano Helder Barbosa Tavares (45), Francisco Josias Rodrigues Lopes (54) e Clisliane Alves de Lima (31), vulgo “Nega”. Todos sem antecedentes criminais. A mulher, que também respondeu ao flagrante por tráfico de drogas, foi capturada em Baturité e os outros em Banabuiu.

Ainda no decorrer das diligências, a equipe policial prendeu em flagrante três indivíduos por tráfico de drogas em Banabuiú. Foram presos: Antônio Lourenço Pereira da Silva Filho (24), com antecedentes criminais por tráfico de drogas e posse ou porte de arma de fogo de uso restrito; Francisco Juleno Nascimento da Silva (26), com antecedentes criminais por roubo, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo e Carlos Icaro Rodrigues Pinheiro (28), com antecedentes criminais por receptação, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. O total de 60 pedrinhas de crack e sete munições calibre 36 foram apreendidas na ação.

Os homens foram autuados por tráfico de drogas e posse de arma de fogo/munição de uso permitido.  Todos foram encaminhados para a delegacia, onde foram realizados os procedimentos cabíveis e estão à disposição da Justiça.

Com informações da SSPDS/CE