Coluna Amadeu Filho: Dissinha Mitcheel- um talento de Quixadá para o mundo

Dissinha Mitcheel é uma madona quixadaense (foto: divulgação)

Região Central: No começo dos anos 90, um garoto cheio de talentos e muitos sonhos convidou alguns amigos para assistir um pequeno espetáculo montado por ele mesmo no salão paroquial em Quixadá. Com certeza, um lugar desapropriado para o evento, mas, incrivelmente, ainda nos dias de hoje nossa cidade não dispõe de um espaço para este tipo de manifestação artística.

Naquele dia, um show terrivelmente “simples” com poucos recursos, mas cheio de entusiasmo, energia e muito, muito “talento”. Naquele momento, só as pessoas mais próximas a Dissinho sabiam do seu talento, de sua arte já presente em seus anos verdes. Alguém da plateia falou que ele precisava mostrar seu trabalho para um público bem maior. Desde então despertou naquele sonhador o desejo de um dia mostrar sua arte para muita gente. O impulso também era acompanhado do medo e da reação da família que nem imaginava que o talento dele em realizar performance artística e se transformando em grandes estrelas da música o faria querido e respeitado.

Ator transformista conquistou muitos admiradores (foto: divulgação)

O show de Dissinho não se tratava de um evento igual a todos, de um cantor ou dançarino mas de um ator transformista e em outras expressões, um garoto vestido de mulher, talvez, uma situação estranha para a cidade naquele momento. Mas este jovem astro tinha uma criatividade além, muito além daquela época. Com muita confiança, tendo consciência do valor de sua arte alugou o Balneário Cedro Clube e sem nenhum centavo no bolso, realizou um grande espetáculo que atraiu a atenção até de pessoas de outras cidades.

Dia e noite, cuidava da montagem deste evento, praticamente sozinho.  A partir daí seus shows já contavam com grande público e muitos admiradores vinham de Fortaleza para aplaudi-lo de forma entusiástica. A partir dai, seu nome artístico passou a ser “Dissinha Mitcheell’ Já era sucesso e ficou conhecido na cidade e em todo o estado como “Madona Quixadaense“.

Sempre confiou no seu talento (foto: divulgação)

Chegou a vez de Fortaleza e o jovem talento se tornou uma das maiores atrações em muitas casas de espetáculos e até em teatros de grande porte. Num belo dia, um empresário europeu o viu em show na capital e fez o convite para trabalhar numa famosa boate na Alemanha. Lágrimas, muita emoção e um grande desejo de divulgar Quixadá para todo o mundo e ter mais condições de ajudar sua família, as pessoas mais humildes da cidade e encorajar aqueles que nasceram para a arte e na maioria das vezes são incompreendidos.

Era o ano de 2009 e toda a cidade tomou conhecimento do sucesso daquele artista nosso, filho da dona Luciene e que tanto batalhou pela cultura local na formação dos blocos de carnaval, nas quadrilhas juninas a quem imprimiu um toque profissional.

Apesar da distância, o astro não esquece sua querida Quixadá (foto: divulgação)

Hoje, ele trabalha na “REVUE PALASST”, uma das maiores casas de shows do continente europeu. É sem dúvida, um nome respeitado em vários países, pois realizou muitas apresentações. Foi uma conquista que nos inspira a ter mais confiança na busca de nossos ideais e claro, teve que enfrentar muitos desafios, superar as decepções, preconceitos e até indiferença.

Segundo a produtora artística Edna Letícia, Dissinha Mitchell é um ser humano maravilhoso que nunca respondeu a alguma ofensa e quer apenas mostrar a sua arte que segundo o próprio foi uma dádiva do criador. Ele vem aí, 9 de agosto, e fará uma apresentação única no hotel Vale das Pedras em show aberto ao público.

Vamos lá aplaudir este nosso astro e certamente, ele ficará muito feliz com a presença de seus irmãos quixadaenses. Luz na passarela! Vem aí Dissinha Mitchel.

Autor____

Amadeu Filho
Colaborador da RC
Colunista
Radialista Profissional